O ensino de biblioteconomia no Brasil

  • Suzana Pinheiro Machado Mueller
Palavras-chave: Ensino de Biblioteconomia /Brasil.

Resumo

Analisa acontecimentos que marcaram a evolução do ensino de Biblioteconomia no Brasil desde seu início até hoje. A época anterior ao estabelecimento do primeiro currículo mínimo, em 1962, é dominada inicialmente pelo curso mantido pela Biblioteca Nacional, de inspiração europeia e dedicado a formar pessoal para suas próprias seções, e posteriormente por cursos de inspiração americana, iniciados em São Paulo. As duas correntes fundem-se no currículo mínimo, aprovado em 1962, ano em que a profissão foi reconhecida como de "nível superior". A década de 60 é caracterizada pela consolidação dos cursos nas Universidades e sua expansão, e pela ênfase dos programas à organização das colecões. O descontentamento com o currículo mínimo marca a década seguinte, assim como a inclusão de novas técnicas e assuntos nos currículos plenos. O esforço para mudança culmina com a aprovação de novo currículo mínimo em 1982. Paralelamente, a década de 70 vê o surgimento dos cursos de pós-graduação que se vêm firmando nestes primeiros anos de 1980. Os  problemas atuais decorrem da diversidade de responsabilidade atribuídas à profissão e a impossibilidade de exigir-se dos cursos de graduação a responsabilidade única pela formação profissional para todos os níveis.

Descritores

Ensino de Biblioteconomia /Brasil.

Abstract

Review of the main developments in the evolution ot the education for librarianship in Brazil. The initial period is dominated by the course offered by the Biblioteca Nacional, much influenced by European tradition and mostly devoted to the training of its own staff. Its influence is diminished after the emergence in São Paulo of courses based on the American orientation. In 1962 the profession was elevated to "University status" and the first minimum curriculum was established, blending both approaches. The 60's were marked by the expansion in number of courses offered and by their emphasis on the organization of stocks. The next decade sees the emergence of post-graduate courses, and a growing dissatisfaction with the minimum curriculum. There is also a general effort towards the inclusion in the programmes of the new technologies. The efforts towards the establishment of a new curriculum minimum are crowned in 1982. The problems faced now by the courses stem mostly from the diversity of demands made on the profession, and the impossibility to train equally well for all situations within the undergraduate course, as prescribed by law.

Biografia do Autor

Suzana Pinheiro Machado Mueller
Professora do Departamento de Biblioteconomia Universidade de Brasília
Como Citar
MuellerS. P. M. (1). O ensino de biblioteconomia no Brasil. Ciência Da Informação, 14(1). Recuperado de http://revista.ibict.br/ciinf/article/view/222
Seção
Especial