Análise de redes na produção científica dos egressos de Pós-Graduação da Psicologia de uma universidade pública do Brasil

Maria Clarice Lima Batista, Sérgio Dias Cirino, Thiago Magela Rodrigues Dias, Tales Henrique José Moreira

Resumo


Estudo bibliométrico interdisciplinar entre a Ciência da Informação e a Matemática Computacional, utiliza o software livre ScriptLattes para extração dos registros da Plataforma Currículo Lattes. Analisa a produção de artigos científicos publicados pelo egressos de doutorado do Programa de Psicologia da UFMG e a partir da coautoria identifica os padrões de colaboração pelas áreas de concentração Psicologia Social, Estudos Psicanalíticos, Desenvolvimento Humano.

Palavras-chave


Colaboração científica; Coautoria; Colaboração institucional; Artigo científico; Currículo Lattes

Texto completo:

PDF

Referências


Alvarez, G. R. & Caregnato, S. E. (2017). Internacionalização da produção científica do Brasil em Física de Altas Energias. RDBCI-Revista Digital de Biblioteconomia e Ciência da Informação, v.15, n.1, p.37-52.

Dias, T. M. R., Moita, G. F., Dias, P. M., Moreira, T. H. (2014). Identificação e caracterização de redes científicas de dados curriculares. iSys– Revista Brasileira de Sistemas de Informação, Rio de Janeiro, v.7, n.3.

Giddens, A. (1999). Estruturalismo, pós-estruturalismo e a produção da cultura. In A. Giddens & Turner, J. (Orgs.). Teoria social hoje. (pp.281-320). São Paulo: UNESP.

Guarido Filho, E. R. (2013). Redes sociais e indicadores bibliométricos: implicações sociológicas para o estudo da ciência. In Hayashi, M. C. P. I. & Leta, J. (Orgs.). Bibliometria e cientometria: reflexões teóricas e interfaces. (pp.83-107). São Carlos: Pedro e João Editores.

Latour, B. (2012). Reagregando o social: uma introdução à Teoria do Ator-Rede. São Paulo: EDUSC/EDUFBA.

Latour, B.; Woolgar, S. (1997). A vida de laboratório: a produção de fatos científicos. Rio de Janeiro: Relume.

Lopez-Lopez, W., Moya Anégon, F., Acevedo-Triana, C., Garcia, A. & Silva, L. M. (2015). Psychological research collaboration and visibility in Iberoamerica. Psicologia Reflexão e Crítica, v.28, n.S, p.72-81.

Meadows, A. J. (1999). A comunicação científica. Brasília: Briquet de Lemos.

Mena-Chalco, J. P. & Cesar-Junior, R. M. (2009). ScriptLattes: an open-source knowledge extraction system from the Lattes platform. Journal of the Brazilian Computer Society, v.15, n.4, 31-39.

Yamamoto, O. H., Tourinho, E. Z., Bastos, A. V. B. & Menandro, P. R. M. (2012). Produção científica e “produtivismo”: há alguma luz no final do túnel? Revista Brasileira de Pós-Graduação – RBPG, Brasília, v.9, n.18, p.727-750, dez.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Maria Clarice Lima Batista

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Compartilhar igual 4.0 Internacional.


Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (Ibict)
SAUS - Setor de Autarquias Sul, Quadra 5, Lote 6, Bloco H
Seção de Editoração - sala 500
CEP 70070-912
Brasília-DF, Brasil

Licença Creative Commons
Todo o conteúdo publicado nesta revista está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.