O Desenvolvimento e o Futuro da Educação a Distância no Brasil

  • Nara Maria Pimentel
Palavras-chave: Educação a Distância, Políticas Públicas de Educação, Ensino Superior, Tecnologias de Informação e Comunicação

Resumo

Pretende-se apresentar uma análise acerca do desenvolvimento da educação a distância no Brasil (EaD) a partir dos anos 2000, bem como suas perspectivas futuras. Na análise são considerados aspectos relacionados ao contexto da EaD no âmbito das políticas públicas sociais e as tecnologias de informação e comunicação (TIC) na educação superior. São feitas referências teóricas contextualizadas nesse período. A hipótese que fundamenta essa contribuição é que a aposta nas tecnologias de informação e comunicação (TIC); ao mesmo tempo em que agrega modernidade também torna nebulosa a diferença entre as possibilidades da EaD no ensino superior e as formas como é desenvolvida. Todo esse contexto predispõe a uma mudança de paradigma capaz de dar um novo impulso à modalidade a distância que está estagnada sobre os modelos e as experiências-padrões. Conclui-se que as políticas educacionais criadas para o desenvolvimento da educação a distância até o momento não trouxeram mudanças significativas para o processo de ensino-aprendizagem, de modo a melhorar a qualidade do ensino superior no Brasil. Entretanto, alguns pressupostos podem ampliar e melhorar o uso pedagógico das TIC na educação, a saber: a) a EaD como parte das políticas educacionais de corte social; b) a necessidade de arranjos pedagógicos diferenciados para a integração das TIC no ensino; c) as limitações da modalidade a distância tendo em vista as exigências de formação de certas áreas do conhecimento, cursos e carreira; d) o pleno acesso às TIC por toda a sociedade favorecendo a melhoria da qualidade de vida de todos.

Biografia do Autor

Nara Maria Pimentel

Doutora em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) - Florianópolis, SC - Brasil. Professora da Universidade de Brasília (UnB) - Brasília, DF - Brasil.

Publicado
04/04/2018
Como Citar
PimentelN. M. (2018). O Desenvolvimento e o Futuro da Educação a Distância no Brasil. Inclusão Social, 10(1). Recuperado de http://revista.ibict.br/inclusao/article/view/4178