Open archives: caminho alternativo para a comunicação científica

Nathália Kneipp Sena

Resumo


A comunicação científica ampliou seus horizontes de troca de dados, informações e conhecimentos com o aparecimento dos open archives, arquivos que congregam e-prints das diversas áreas do saber e que são abertos à consulta pública, bem como à publicação automatizada dos trabalhos por parte dos pesquisadores. A experiência americana em áreas da física, matemática e ciência da computação, entre outras, demonstra a viabilidade e utilidade dos arquivos abertos como ponto de convergência para comunidades de pesquisadores que se vêem sem fronteiras geográficas ou institucionais para o intercâmbio de seus resultados de pesquisas.

Palavras-chave


Arquivos abertos; e-prints; Comunicação científica; consulta publica; Publicação automatizada; Experiência americana; Intercâmbio; Pesquisas

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.18225/ci.inf..v29i3.874

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 1969 Nathália Kneipp Sena

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.


Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (Ibict)
SAUS - Setor de Autarquias Sul, Quadra 5, Lote 6, Bloco H
Seção de Editoração - sala 500
CEP 70070-912
Brasília-DF, Brasil