Inclusão digital de jovens na microrregião de Viçosa/Minas Gerais: dimensões políticas e subjetivas | Digital inclusion of youngsters in the Viçosa/Minas Gerais micro region: political and subjective dimensions

Daniela Alves de Alves

Resumo


Resumo O presente artigo apresenta resultados de um diagnóstico das implicações das políticas públicas de inclusão digital nas escolas de ensino médio da microrregião de Viçosa. Analisamos a amplitude e os efeitos destas políticas para os jovens da referida região, explorando qualitativamente a dimensão da inclusão, especialmente através da análise dos usos da tecnologia por parte dos jovens considerados incluídos. Constatamos que a inserção dos jovens em políticas de inclusão digital através da escola é limitada e a internet tem sido usada pelos jovens entrevistados predominantemente como espaço de sociabilidade e de pesquisas escolares. O acesso à internet apresenta inúmeras desigualdades.

Palavras-chave inclusão digital, internet, rede sociotécnica, jovens, políticas públicas

Abstract This article presents results from the diagnosis of the implications of public policies for digital inclusion in secondary schools of the micro-region of Viçosa, Minas Gerais, Brazil. The amplitude and effect of these policies for the youngsters of this region were analyzed, exploring qualitatively the dimensions of the inclusion, especially through the analysis of the uses of technology by the teenagers considered. It could be verified that the insertion of these youngsters in digital inclusion policies at school is limited, and that the Internet has been used by the juveniles interviewed predominantly as a space for sociability and school research. Access to the Internet represents innumerable inequalities.

Keywords digital inclusion, internet, socio-technical web, youngsters, public policies


Palavras-chave


inclusão digital; internet; rede sociotécnica; jovens; políticas públicas

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.18617/liinc.v8i1.470

Apontamentos

  • Não há apontamentos.