Compreensões em torno da difusão cutural

revisão sistemática de literatura

Autores

DOI:

https://doi.org/10.21728/logeion.2022v9n1.p112-127

Palavras-chave:

Difusão cultural, Unidades de Informação, Revisão Sistemática de Literatura, Arquivologia, Biblioteconomia, Museologia

Resumo

Trata-se de uma pesquisa sobre a Difusão Cultural enquanto ação promotora e oportuna para as manifestações culturais locais e de conhecimento informacional e histórico cultural, particularmente em Unidades de Informação (UI), cujo objetivo geral foi compreender o conceito de Difusão Cultural nas Unidades de Informação, a partir da produção científica brasileira. Para tanto, foi realizada uma pesquisa exploratória e bibliográfica com o uso do método de Revisão Sistemática de Literatura (RSL) por conta de seu caráter auditável, reprodutível, imparcial e que reduz o número de vieses na pesquisa, sendo estruturada em 7 etapas: questão de pesquisa, estratégia de busca, critérios de inclusão e exclusão, busca da literatura, avaliação e seleção dos dados, extração dos dados e síntese. As bases de dados pesquisas foram SCIELO, Repositório do IBICT, BDTD, Web of Science e BRAPCI, no período de 2000 a 2021, sendo que o software utilizado para tratamento dos dados foi o StArt. Como conclusão, verificou-se que a Difusão Cultural é utilizada como ferramenta de disseminação da informação, estruturada, dialógica e assertiva que age sobre o usuário na construção do conhecimento, na apropriação da informação e da cultura além de abrir caminhos para divulgação das UI e reconhecimento de seu papel e importância na sociedade.

Biografia do autor

Isadora Rolim da Silva, UFPE

Bacharel em Arquivologia pela UEPB e Mestra em Ciência da Informação pela UFPE.

Fabio Assis Pinho, Universidade Federal de Pernambuco

Doutor e Mestre em Ciência da Informação pela UNESP. Bacharel em Biblioteconomia e Ciência da Informação pela UFSCar. Professor no Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação (Mestrado e Doutorado Acadêmicos) da Universidade Federal de Pernambuco.

Anna Carla Silva de Queiroz, UFPE

Licenciada em História pela UFPB. Bacharel em Arquivologia pela UEPB. Mestra em Ciência da Informação pela UFPB. Doutoranda em Ciência da Informação pela UFPE.

Referências

ALMEIDA JÚNIOR, O. F. Biblioteca pública: avaliação de serviços. Maringá: Editora da Universidade Estadual de Maringá, 2003.

ARAÚJO, C. A. A. Arquivologia, biblioteconomia, museologia e ciência da Informação: o diálogo possível. Brasília: Briquet de Lemos/Livros, 2014.

BELLOTTO, H. L. Arquivos permanentes: tratamento documental. Rio de Janeiro: FGV Editora, 2006.

CERVO, A. L.; BERVIAN, P. A. Metodologia científica. São Paulo: Pearson Prentice Hall, 2006.

CURY, M. X. Comunicação museológica em museu universitário: pesquisa e aplicação no Museu de Arquivologia e Etnologia-USP. Revista CPC, São Paulo, v. 3, p. 69-90, 2007. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/cpc/article/view/15598/17172. Acesso em: 26 jul. 2021.

GOMES, I. S.; CAMINHA, I. O. Guia para estudos de revisão sistemática: uma opção metodológica para as ciências do movimento humano. Movimento: Revista de Educação Física da UFRGS, Porto Alegre, v. 20, n. 1, p. 395-411, 2014. Disponível em: https://seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/41542/28358. Acesso em: 21 jul. 2021.

LARAIA, R. B. Cultura: um conceito antropológico. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 2007.

MARIZ, A. C. A. A informação na internet: arquivos públicos brasileiros. Rio de Janeiro: FGV Editora, 2012.

OKOLI, C. Guia para realizar uma revisão sistemática da literatura. EaD em Foco, Rio de Janeiro, v. 9, n. 1, p. 1-40, 2019. Disponível em: https://eademfoco.cecierj.edu.br/index.php/Revista/article/view/748/359. Acesso em: 21 jun. 2021.

PORTELLA, V. P. Difusão virtual do patrimônio documental do Arquivo Público do Estado do Rio Grande do Sul. 99 f. 2012. Dissertação (Mestrado em Patrimônio Cultural) - Universidade Federal de Santa Maria, Santa Maria, 2012.

Downloads

Publicado

13/09/2022

Como citar

SILVA, I. R. da; PINHO, F. A.; QUEIROZ, A. C. S. de. Compreensões em torno da difusão cutural: revisão sistemática de literatura. Logeion: Filosofia da Informação, [S. l.], v. 9, n. 1, p. 112–127, 2022. DOI: 10.21728/logeion.2022v9n1.p112-127. Disponível em: https://revista.ibict.br/fiinf/article/view/6050. Acesso em: 5 out. 2022.

Edição

Seção

Artigos