Características do avaliador e das comissões de avaliação como fatores determinantes na análise didático-pedagógica de cursos

Paulo Cesar Chanan-Silva, Luciana Rodrigues Ferreira

Resumo


No presente trabalho analisa a influência das características de avaliadores e Comissões de Avaliação sobre o conceito obtido na dimensão didático-pedagógica, constante do instrumento de avaliação utilizado pelo INEP/MEC, para avaliar a qualidade de cursos de graduação no Brasil. A metodologia se desenha como estudo exploratório de abordagem qualitativa, utilizando-se os seguintes procedimentos metodológicos: a) revisão bibliográfica;  e b) mapeamento de dados com análise estatística, sob as variáveis: a formação de graduação dos avaliadores, a titulação máxima dos avaliadores, o modelo de gestão das Instituições de origem dos avaliadores e a origem geográfica dos Avaliadores e, como variável resposta, o conceito atribuído pelas Comissões às avaliações realizadas, sob condições controladas, de cursos de administração. Após análise estatística direta dos resultados observou-se uma relação entre as características dos avaliadores/Comissões de Avaliação e os conceitos emitidos, não sendo possível, inferir se tais avaliações (dentro das condições averiguadas) são capazes de induzir a qualidade nos cursos avaliados, objetivo primordial dos processos avaliativos desenvolvidos pelo INEP/MEC

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.21721/p2p.2018v5n1.p102-119

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


URL da licença: https://creativecommons.org/licenses/by/3.0/

 
 
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional (cc BY 4.0)
 
 P2P & INOVAÇÃO - e-ISSN 2358-7814, IBICT.