Efeitos das tecnologias da informação na comunicação de pesquisadores da Embrapa

Maria da Paixão Neres de Souza

Resumo


Estudo realizado com 49 pesquisadores de nove unidades descentralizadas da Embrapa, contemplando dois centros por tema básico, três ecorregionais e quatro de pesquisa por produto (23% das 39 unidades), no período de 1992 a 1997. A coleta de dados foi feita por meio de questionários eletrônicos, com retorno de 75 respondidos (17% do total enviado).Os resultados mostraram melhoria nos contatos entre os pesquisadores, estabelecendo-se extensa rede de comunicação no país e no exterior. Observou-se a ocorrência, ainda em pequena escala, da avaliação e da publicação de trabalhos técnico-científicos em meio eletrônico. Conclui-se que o uso de tecnologias da informação afetou positivamente a comunicação científica do grupo estudado, com maior eficiência na produção, avaliação e difusão do conhecimento e, consequentemente, melhores resultados no campo da pesquisa e do desenvolvimento.

Palavras-chave


Comunicação científica; Tecnologia de informação; Fontes de informação; Produção de conhecimento; Avaliação de trabalhos; Difusão de conhecimento.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 1969 Maria da Paixão Neres de Souza

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.


Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (Ibict)
SAUS - Setor de Autarquias Sul, Quadra 5, Lote 6, Bloco H
Seção de Editoração - sala 500
CEP 70070-912
Brasília-DF, Brasil

Licença Creative Commons
Todo o conteúdo publicado nesta revista está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.