Identificação e mineração de informações patentárias com potencial de frugalidade visando a prevenção da dengue no Brasil

Carolina Alencar Nigro, Renato Ribeiro Nogueira Ferraz, Luc Quoniam, David Reymond, Marcos Rogério Mazieri

Resumo


Este artigo discute o uso do Patent2Net, uma ferramenta computacional de livre acesso, para extrair e disponibilizar informações relacionadas às patentes em dengue, uma importante Doença Negligenciada (DN) no contexto nacional. As bases de dados que armazenam patentes, embora possibilitem a sua leitura na íntegra, não permitem a extração maciça de grandes quantidades de informações. Assim, o Patente2net foi utilizado para identificar, minerar, organizar e disponibilizar em formato de interfaces gráficas e tabelas dinâmicas informações tecnológicas descritas nas patentes em dengue depositadas na base Espacenet. Os resultados obtidos permitiram identificar patentes com potencial de frugalidade, ou seja, inclusivas e com baixo custo de replicação, e cuja proteção não se estendia ao Brasil, permitindo sua livre reprodução em território nacional. Como conclusão, sugere-se a utilização de informações patentárias como estratégias inovadoras na gestão dos programas brasileiros de saúde pública voltados às DN, especialmente com relação ao diagnóstico, tratamento e prevenção da dengue.

Palavras-chave


Tecnometria; Patentes; Inovação; Gestão em Saúde; Dengue

Texto completo:

PDF

Referências


AGÊNCIA BRASIL. Casos de dengue aumentam 178% e matam 843 brasileiros em 2015. Disponível em: . Acesso em: 31 maio. 2016.

BARDIN, L. Análise de conteúdo. 4. ed. Brasil: Edições 70, 2009.

BUFREM, L. O saber científico registrado e as práticas de mensuração da informação. Ciência da Informação, v. 34, n. 2, p. 9–25, 2005.

CARVALHO, A. C.; STOROPOLI, J. H.; QUONIAM, L. Prospecção de Patentes para a Solução Sustentável de Problema da Indústria da Construção: O Espaçador de Concreto. Revista Inovação, Projetos e Tecnologias, v. 2, n. 1, p. 115–127, 2014.

CORREA, F.; GOMES, S. A patente na universidade: sigilo, transparência e direito à informação. VIII ENANCIB – Encontro Nacional de Pesquisa em Ciência da Informação, p. 15, 2013.

EUROPEAN PATENT OFFICE. EPO - Number of patents. Disponível em: . Acesso em: 28 ago. 2017.

FERRAZ, R. et al. Exemplo de Uso Gratuito do OPS (Open Patent Service) para Educação e Informação em Patentes por Meio da Utilização da Ferramenta Computacional Patent2net. XXXIX Encontro da ANPAD, p. 20, Setembro de 2015a.

FERRAZ, R. et al. Extração e disponibilização on line de indicadores de desempenho e prospecção dos resultados das pesquisas em dengue com a utilização da ferramenta computacional Scriptlattes. Encontros Bibli: Revista Eletrônica de Biblioteconomia e Ciência da Informação, v. 20, n. 43, 2015b.

FERRAZ, R. R. N. et al. Example of open-source OPS (Open Patent Services) for patent education and information using the computational tool Patent2Net. World Patent Information, v. 46, p. 21–31, Setembro 2016a.

FERRAZ, R. R. N.; QUONIAM, L.; ALVARES, L. M. A. DE R. Avaliação de redes multidisciplinares com a ferramenta scriptlattes: os casos da nanotecnologia, da dengue e de um programa de pós-graduação Stricto Sensu em Administração. Encontros Bibli: Revista Eletrônica de Biblioteconomia e Ciência da Informação, v. 19, n. 40, p. 67–98, 2 ago. 2014.

FRANÇA, R. O. Patente como fonte de informação tecnológica. Perspectivas em Ciência da Informação, v. 2, n. 2, 1997.

FRANCO, D.; MAGALHÃES, S. Dark Web – Navegando no Lado Obscuro da Internet. Amazônia em Foco, v. 4, n. 6, p. 15, jul. 2015.

GANDON, L. F. M. A segurança do trabalho na perspectiva da mineração de patentes: uma abordagem quantitativa com a utilização do Patent2net. Dissertação (Mestrado em Administração) — São Paulo: Universidade Nove de Julho, 2017.

GASTEUD, A. L.; HONDER, M.; CUNHA, R. Mortalidade infantil e evitabilidade em Mato Grosso do Sul, Brasil, 2000 a 2002. Cad. Saúde Pública, v. 24, n. 7, 2008.

GUBLER, D. The Economic Burden of Dengue. The American Journal of Tropical Medicine and Hygiene, v. 86, n. 5, p. 743–744, 2012.

GUIMARÃES, M. C. et al. Produção científica de dengue: Um olha a partir da coleção Brasil da Scielo. Tendências da Pesquisa Brasileira em Ciência da Informação, v. 7, n. 2, p. 19, 2014.

HINO, P. et al. Evolução temporal da dengue no município de Ribeirão Preto. Ciência & Saúde Coletiva, v. 15, n. 1, p. 233–8, 2010.

INPI. Guia Prático para Buscas de Patentes. Disponível em: . Acesso em: 2 ago. 2017.

INPI. Guia básico de Patentes. Disponível em: . Acesso em: 3 ago. 2017.

INSTITUTO NACIONAL DA PROPRIEDADE INDUSTRIAL. Guia básico de patente. Disponível em: . Acesso em: 24 abr. 2016a.

INSTITUTO NACIONAL DA PROPRIEDADE INDUSTRIAL. Classificação de patentes. Disponível em: . Acesso em: 22 jul. 2016b.

MARTINO, R. N.; OLIVEIRA, J.; SOUZA, J. M. Mineração de Dados Científicos para Prospecção Tecnológica e Identificação de Especialistas. V Workshop em Algoritmos e Aplicações de Mineração de Dados. Ceará. 2009

MAZIERI, M. Patentes e inovação Frugal em uma perspectiva contributiva. Tese (Doutorado em Administração) — São Paulo: Universidade Nove de Julho, 2016.

MINISTÉRIO DA SAÚDE. Situação Epidemiológica / Dados Dengue. Disponível em: . Acesso em: 31 maio. 2016.

MOON, S.; BERMUDEZ, J.; HOEN, E. Innovation and Access to Medicines for Neglected Populations: Could a Treaty Address a Broken Pharmaceutical R&D System? PLoS Med, v. 9, n. 5, p. e1001218, 2012.

NIGRO, C. et al. Prestação de contas anual e quadrienal à Capes por um programa de Pós-Graduação stricto sensu em Engenharia de Produção: utilização da ferramenta computacional Scriptlattes-Scriptsucupira. Prisma, v. 29, p. 24, 2015.

NIGRO, C. A. Uso das ferramentas computacionais Scriptlattes, ScriptGP e Patent2net para análise da produção bibliográfica e tecnológica sobre a dengue. Dissertação (Mestrado em Administração) — São Paulo: Universidade Nove de Julho, 2016.

WORLD HEALTH ORGANIZATION - WHO. Neglected Diseases. 2016. Disponível em: http://www.who.int/eportuguese/countries/bra/pt/. Acesso em: 12 março 2017.

WORLD HEALTH ORGANIZATION - WHO. Dengue and severe dengue. Disponível em: . Acesso em: 31 maio 2016.

QUINTELLA, C. M. et al. Prospecção tecnológica como uma ferramenta aplicada em ciência e tecnologia para se chegar à inovação. Revista Virtual de Química, v. 3, n. 5, p. 406–415, 2011.

QUONIAM, L.; KNIESS, C.; MAZIERI, M. A patente como objeto de pesquisa em Ciências da Informação e Comunicação. Encontros Bibli: Revista Eletrônica de Biblioteconomia e Ciência da Informação, p. 25, 2014.

RAMÃO, G. B. Utilização de informações patentárias na busca de soluções inovadoras para o setor de atendimento hospitalar. Dissertação (Mestrado em Administração). São Paulo: Universidade Nove de Julho, 2017.

REYMOND, D.; QUONIAM, L. A new patent processing suite for academic and research purposes. World Patent Information, v. 47, n. Supplement C, p. 40–50, 1 dez. 2016.

SANCHES, M. Estimativa é que dengue tenha custado ao país R$ 2,2 bilhões - Jornal O Globo. 8 mar. 2016. Disponível em: https://oglobo.globo.com/rio/estimativa-que-dengue-tenha-custado-ao-pais-22-bilhoes-18825951. Acesso em: 23 maio 2017.

SCOPEL, F. et al. Prospecção tecnológica sobre fibras naturais em materiais compósitos a partir da análise de documentos de patente. CONGRESSO DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE METALURGIA, MATERIAIS E MINERAÇÃO, 67o, Rio de Janeiro. 2012

SOUZA, M. A. “Patentes e Inovação”: palestra mostra a presença e importância do tema na USP. Agência USP de Inovação, 8 jun. 2015.

TAVARES, J. Estudo da rede de patentes brasileiras. Rio de Janeiro: Universidade Federal do Rio de Janeiro, fev. 2016. Disponível em: .

VALVERDE, R. Doenças Negligenciadas. Fio Cruz, 2013.

WIKIPEDIA. Scriptlattes, 14 mar. 2015. (Nota técnica).

WIKIPEDIA. Divulgação científica, 2016. (Nota técnica).

YOYCART. Aedes mosquito trap egg. Disponível em: . Acesso em: 4 out. 2017.

ZAIONS, A. P. Utilização de base patentária como fonte de informação para inovação em saúde pública como o uso da ferramenta Patent2net: O caso da Tuberculose pulmonar. Dissertação (Mestrado em Administração). São Paulo, Universidade Nove de Julho, 2016.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Carolina Alencar Nigro, Renato Ribeiro Nogueira Ferraz, Luc Quoniam, David Reymond

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.


Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (Ibict)
SAUS - Setor de Autarquias Sul, Quadra 5, Lote 6, Bloco H
Seção de Editoração - sala 500
CEP 70070-912
Brasília-DF, Brasil

Licença Creative Commons
Todo o conteúdo publicado nesta revista está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.