Dados Abertos e suas aplicações em Cidades Inteligentes

Resumo

RESUMO Com a crescente urbanização, os estudos relacionados às Cidades Inteligentes (Smart Cities) buscam desenvolver soluções inovadoras para minimizar problemas urbanos, e consequentemente proporcionar melhor qualidade de vida para o cidadão e a sociedade. Esta pesquisa aplicada teve como objetivo propor um processo de Modelagem da Informação, necessário para subsidiar parâmetros indicativos para a concepção de cenários de Cidades Inteligentes, com o uso dos dados abertos em acidentes de trânsito, disponíveis no site da prefeitura de Belo Horizonte (PBH). A abordagem da pesquisa é de caráter misto, combinando métodos quantitativos e qualitativos. A pesquisa mostrou a relevância das informações extraídas, gerenciadas e analisadas para a sociedade, provenientes de dados abertos, bem como as oportunidades para a contribuição das diferentes especialidades do campo da administração pública.

Palavras-chave: Cidades Inteligentes; Administração Pública; Dados Abertos; Modelagem da Informação.

Biografia do Autor

Izabella Bauer de Assis Cunha, Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
Mestre em Gestão e Organização do Conhecimento, pela UFMG, com foco em Cidades Inteligentes (2019). Pós-graduação em Gestão Estratégica da Informação, pela UFMG (2014). Graduação em Tecnologia da Informação pela UNI-BH (2011). Atua na área de TI desde 2007, atualmente líder da equipe de BI e ML na CSU CardSystem, professora de Pós-Graduação na PUC Minas. Foi Analista de BI no projeto Sala de Situação do Governo na Prodemge e Analista de BI na Take, Consultora de Projetos de BI na Core Synesis e Consultora de Sistema Portuário na Arcadian Tecnologia.
Renata Maria Abrantes Baracho, Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG)
Professora Associada da Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG, Programa de Pós-Graduação em Gestão e Organização do Conhecimento PPGGOC-UFMG, Programa de Pós-Graduação em Ambiente Construído e Patrimônio Sustentável da Escola de Arquitetura-UFMG. Doutora em Ciência da Informação pela UFMG com PDEE na The Pennsylvania State University, Mestre em Ciência da Computação DCC-UFMG, possui graduação em Arquitetura e Urbanismo-UFMG e graduação em Ciência da Computação ? PUC Minas. Presidente da Associação Nacional de Pesquisa e Pós-Graduação em Ciência da Informação - ANCIB (2014-2016). Member of International Institute of Informatics and Systemics - IIIS - International Federation for Systems Research - IFSR, IEEE, ICOM, ICOMOS. Desenvolve pesquisas na área de Cidades Inteligentes, Smart City, Smart Building, Building Information Modeling/BIM, Ciência da Informação, com ênfase em recuperação e representação da informação, sistemas de informação, modelagem, computação gráfica.
Publicado
11/12/2019
Seção
Dados de Pesquisa