Vigilância por dados, privacidade e segurança: entre a exploração pelo mercado e o uso estatal

Resumo

RESUMO Este artigo estuda a vigilância digital contemporânea, e a forma pela qual os dados sensíveis dos usuários são recolhidos e analisados para diferentes propósitos. Objetivos específicos: i) descrever formas tecnológicas de vigilância a partir de dados pessoais e comportamentais gerados nas comunicações online dos indivíduos; ii) estudar as relações entre a economia política do capitalismo contemporâneo e a privacidade; iii) compreender como Estados e organizações privadas se utilizam da vigilância de dados eletrônicos. Metodologia: método de procedimento hipotético-dedutivo, com abordagem qualitativa e técnica bibliográfico-documental.

Palavras-chave: Vigilância; Tecnologia; Dados; Capitalismo de Vigilância; Privacidade.

Biografia do Autor

Mateus de Oliveira Fornasier, Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (UNIJUI).

Doutor em Direito Público pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (UNISINOS, Brasil), com Pós-doutorado pela University of Westminster (Reino Unido). Professor do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu (Mestrado e Doutorado) em Direitos Humanos da Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (UNIJUI).

Norberto Milton Paiva Knebel, Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (UNIJUI).
Doutorando no Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu (Mestrado e Doutorado) em Direitos Humanos da Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (UNIJUI).
Fernanda Viero da Silva, Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (UNIJUI).
Bolsista de Iniciação Científica PIBIC/CNPq. Acadêmica do Curso de Direito da Universidade Regional do Noroeste do Estado do Rio Grande do Sul (UNIJUI).
Publicado
30/05/2020
Como Citar
FornasierM. de O., KnebelN. M. P., & da SilvaF. V. (2020). Vigilância por dados, privacidade e segurança: entre a exploração pelo mercado e o uso estatal. Liinc Em Revista, 16(1), e5104. https://doi.org/10.18617/liinc.v16i1.5104
Seção
Economia Política da Informação, da Comunicação e da Cultura