Disputas narrativas e legitimação: análise dos argumentos de Bolsonaro sobre vacinação contra Covid-19 no Twitter

Autores

  • Ana Carolina Pontalti Monari Programa de Pós-Graduação em Informação e Comunicação em Saúde, Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica, Fundação Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, RJ, Brasil https://orcid.org/0000-0002-7474-7903
  • Kizi Mendonça de Araújo Programa de Pós-Graduação em Informação e Comunicação em Saúde, Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica, Fundação Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, RJ, Brasil http://orcid.org/0000-0002-9378-3299
  • Mateus Ramos de Souza Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ, Brasil https://orcid.org/0000-0003-4201-3144
  • Igor Sacramento Programa de Pós-Graduação em Informação e Comunicação em Saúde, Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica, Fundação Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, RJ, Brasil; Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Cultura, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ, Brasil https://orcid.org/0000-0003-1509-4778

DOI:

https://doi.org/10.18617/liinc.v17i1.5707

Palavras-chave:

Vacinação, Covid-19, Estratégias de legitimação, Disputas narrativas

Resumo

O fenômeno nomeado de infodemia expôs o cenário de confrontação de políticos populistas de extrema-direita contra evidências científicas no tratamento e controle da Covid-19 por meio das redes sociais digitais. Tais narrativas são marcadas por crenças e posicionamentos político-ideológicos colocados em antagonismos. Este artigo busca mapear e analisar os argumentos do atual presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, sobre a vacinação contra Covid-19 proferidos no Twitter. Utilizando as estratégias de legitimação de Van Leeuween (2007), sistematizadas por Recuero (2019, 2020), analisamos 19 postagens sobre o assunto publicadas no perfil oficial de Bolsonaro para compreender as suas formas de argumentação em relação à vacina contra Covid-19, a maneira com que ele transforma uma vacinação em uma disputa político-ideológica e como ele faz do Twitter um espaço de confrontação. Em nossa investigação, observamos que o presidente, baseado em uma lógica populista e neoliberal, se utiliza principalmente das estratégias de autorização e racionalidade para construir a narrativa de que o indivíduo tem a liberdade de escolher se vacinar ou não

Biografias dos autores

Ana Carolina Pontalti Monari, Programa de Pós-Graduação em Informação e Comunicação em Saúde, Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica, Fundação Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, RJ, Brasil

Doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Informação e Comunicação em Saúde (PPGICS), da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), e mestre em Comunicação pelo Programa de Pós-Graduação em Comunicação (PPGCOM), da Universidade Estadual Paulista (Unesp), onde também é graduada em Comunicação Social - Jornalismo. Bolsista de doutorado da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). Integrante do Núcleo de Estudos em Comunicação, História e Saúde (NECHS - Fiocruz/UFRJ).

Kizi Mendonça de Araújo, Programa de Pós-Graduação em Informação e Comunicação em Saúde, Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica, Fundação Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, RJ, Brasil

Doutora e Mestre em Ciências pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (IBqM/UFRJ) e Graduada (2005) em Enfermagem e Obstetrícia pela Escola de Enfermagem Anna Nery (EEAN/UFRJ). É Pesquisadora em Saúde Pública da Fundação Oswaldo Cruz e atua como Professora permanente do Programa de Pós-Graduação em Informação e Comunicação em Saúde (PPGICS), onde atualmente é coordenadora adjunta.

Mateus Ramos de Souza, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ, Brasil

Graduando em Comunicação Social - Jornalismo pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), Rio de Janeiro, Brasil. Integrante do Núcleo de Estudos em Comunicação, História e Saúde (NECHS - Fiocruz/UFRJ).

Igor Sacramento, Programa de Pós-Graduação em Informação e Comunicação em Saúde, Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica, Fundação Oswaldo Cruz, Rio de Janeiro, RJ, Brasil; Programa de Pós-Graduação em Comunicação e Cultura, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, RJ, Brasil

Doutor em Comunicação e Cultura pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ). Professor dos Programas de Pós-Graduação em Comunicação e Cultura, da UFRJ, e em Informação e Comunicação em Saúde, da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), onde também é coordenador. Bolsista de Produtividade em Pesquisa do CNPq. Líder do Núcleo de Estudos em Comunicação, História e Saúde (NECHS - Fiocruz/UFRJ).

Referências

BANCO MUNDIAL, 2020. O COVID-19 lança a economia mundial na pior recessão desde a Segunda Guerra Mundial. Banco Mundial, 8 jun. 2020. Disponível em: https://bit.ly/39rblnn. Acesso em: 30 mar. 2021.

BOYD, Danah, 2010. Social network sites as networked publics: affordances, dynamics, and implications. Em: PAPACHARISSI, Zizi. (ed.). A networked self: identity, community, and culture on social network sites. Abingdon: Routledge, p. 39-58.

CESARINO, Letícia, 2021. Pós-verdade e a crise do sistema de peritos: uma explicação cibernética. Ilha, v. 23, n. 1, p. 73-96. DOI: https://doi.org/10.5007/2175-8034.2021.e75630

D’ANCONA, Matthew, 2018. Pós-verdade: a nova guerra contra os fatos em tempos de fake news. Barueri: Faro editorial.

FISCHER, Rosa Maria Bueno, 2001. Foucault e a análise do discurso em educação. Cadernos de pesquisa, n. 114, p. 197-223. DOI: https://doi.org/10.1590/S0100-15742001000300009

FOUCAULT, Michel, 2008. A arqueologia do saber. Rio de Janeiro, Forense Universitária.

FOUCAULT, Michel, 2013. Microfísica do poder. São Paulo: Graal.

G1, 2020. Veja a cronologia da disputa entre Bolsonaro e Doria em torno da vacina contra a Covid-19. G1, 12 dez. 2020. Disponível em: https://glo.bo/3w99CwG. Acesso em: 30 mar. 2021.

GAÚCHA ZH, 2019. Bolsonaro esvazia comunicação oficial, infla redes sociais e atua como porta-voz. Gaúcha ZH, 16 dez. 2019. Disponível em: https://bit.ly/3cwDZW6. Acesso em: 30 mar. 2021.

GIDDENS, Anthony, 1991. As consequências da modernidade. São Paulo: Editora Unesp.

GOLDSTEIN, Ariel, 2019. O sucesso das “guerras culturais” na campanha de 2018: Bolsonaro no Facebook e Instagram. Revista Inter-legere, v. 2, n. 26, c20148. Disponível em: https://bit.ly/2QScJJl. Acesso em: 30 mar. 2021.

HARDY, Cynthia, PHILLIPS, Nelson, 1999. No joking matter: discursive struggle in the Canadian refugee system. Organization Studies, v. 20, n. 2, p. 1-24. DOI: https://doi.org/10.1177/0170840699201001

JAIR M. BOLSONARO (@jairbolsonaro). Thread 1 (...) 7 ago. 2020, 6h23. [Tuíte]. Disponível em: https://bit.ly/3uc8lDp. Acesso em: 30 mar. 2021.

JAIR M. BOLSONARO (@jairbolsonaro). Covid-19 Vacinação (...) 16 out. 2020, 20h21. [Tuíte]. Disponível em: https://bit.ly/31DVCgd. Acesso em: 30 mar. 2021.

JAIR M. BOLSONARO (@jairbolsonaro). A vacina não será obrigatória (...) 19 out. 2020, 13h12. [Tuíte]. Disponível em: https://bit.ly/3sFFiaI. Acesso em: 30 mar. 2021.

JAIR M. BOLSONARO (@jairbolsonaro). Thread: A VACINA CHINESA DE JOÃO DORIA (...) 21 out. 2020, 10h39. [Tuíte]. Disponível em: https://bit.ly/2PFgKjM. Acesso em: 30 mar. 2021.

JAIR M. BOLSONARO (@jairbolsonaro). - Diretora da OMS (...) 22 out. 2020, 8h53. [Tuíte]. Disponível em: https://bit.ly/39sTBb0. Acesso em: 30 mar. 2021.

JAIR M. BOLSONARO (@jairbolsonaro). -- A OMS (...) 22 out. 2020, 15h23. [Tuíte]. Disponível em: https://bit.ly/3rwEt2R. Acesso em: 30 mar. 2021.

JAIR M. BOLSONARO (@jairbolsonaro). Boa noite a todos (...) 24 out. 2020, 19h36. [Tuíte]. Disponível em: https://bit.ly/39oXldK. Acesso em: 30 mar. 2021.

JAIR M. BOLSONARO (@jairbolsonaro). - A vacina não é (...) 26 out. 2020, 13h22. [Tuíte]. Disponível em: https://bit.ly/3fsqvN6. Acesso em: 30 mar. 2021.

JAIR M. BOLSONARO (@jairbolsonaro). - Dra. Nise Yamaguchi (...) 26 out. 2020, 5h26. [Tuíte]. Disponível em: https://bit.ly/3m3IASV. Acesso em: 30 mar. 2021.

JAIR M. BOLSONARO (@jairbolsonaro). O Brasil disponibilizará (...) 8 dez. 2020, 18h04. [Tuíte]. Disponível em: https://bit.ly/3cBm2Ww. Acesso em: 30 mar. 2021.

JAIR M. BOLSONARO (@jairbolsonaro). VACINA - A PRESSA PELA VACINA (...) 27 out. 2020, 14h56. [Tuíte]. Disponível em: https://bit.ly/3sDNnwz. Acesso em: 30 mar. 2021.

JAIR M. BOLSONARO (@jairbolsonaro). - Quase toda a imprensa (...) 28 dez. 2020, 7h35. [Tuíte]. Disponível em: https://bit.ly/39uiHX7. Acesso em: 30 mar. 2021.

JAIR M. BOLSONARO (@jairbolsonaro). O tratamento precoce (...) 04 jan. 2021, 9h38. [Tuíte]. Disponível em: https://bit.ly/3u3Vbbt. Acesso em: 30 mar. 2021.

JAIR M. BOLSONARO (@jairbolsonaro). O Brasil consome (...) 6 jan. 2021, 8h13. [Tuíte]. Disponível em: https://bit.ly/31yfWjq. Acesso em: 30 mar. 2021.

JAIR M. BOLSONARO (@jairbolsonaro). - O restabelecimento (...) 7 jan. 2021, 9h. [Tuíte]. Disponível em: https://bit.ly/3m7nAe4. Acesso em: 30 mar. 2021.

JAIR M. BOLSONARO (@jairbolsonaro). Boa imprensa (...) 12 jan. 2021, 7h13. [Tuíte]. Disponível em: https://bit.ly/3diXBwb. Acesso em: 30 mar. 2021.

JAIR M. BOLSONARO (@jairbolsonaro). Recebemos hoje (...) 22 jan. 2021, 11h54. [Tuíte]. Disponível em: https://bit.ly/3cycYl9. Acesso em: 30 mar. 2021.

JAIR M. BOLSONARO (@jairbolsonaro). NOVA DÉLHI (...) 21 jan. 2021, 15h40. [Tuíte]. Disponível em: https://bit.ly/3sEqycd. Acesso em: 30 mar. 2021.

JAWORSKY, Bernadette Nadya, QIAOAN, Runya, 2020. The politics of blaming: the narrative battle between China and the US over COVID-19. Journal of Chinese Political Science. Disponível em: https://doi.org/10.1007/s11366-020-09690-8. Acesso em: 30 mar. 2021. DOI: https://doi.org/10.1007/s11366-020-09690-8

LACLAU, Ernesto, 2013. A razão populista. São Paulo: Três Estrelas.

LACLAU, Ernesto, MOUFFE, Chantal, 1985. Hegemony & Socialist Strategy: Towards a Radical Democratic Politics. London: Verso.

MEDE, Niels, SCHÄFER, Mike, 2020. Science-related populism: conceptualizing populist demands toward science. Public Understand of Science, v. 29, n. 5, p. 473-491. DOI: https://doi.org/10.1177/0963662520924259

MONARI, Ana Carolina Pontalti, SANTOS, Allan, SACRAMENTO, Igor, 2020. COVID-19 and (hydroxy)chloroquine: a dispute over scientific truth during Bolsonaro’s weekly Facebook live streams. Journal of Science Communication, v. 19, n. 7, A03. DOI: https://doi.org/10.22323/2.19070203

MORAES, Maurício, 2020. Na web, teorias da conspiração apontam a China e EUA como criadores da covid. Uol, 04 ago. 2020. Disponível em: https://bit.ly/3u5BX5d. Acesso em: 30 mar. 2021.

OLIVEIRA, Thaiane Moreira de, 2020. Como enfrentar a desinformação científica? Desafios sociais, políticos e jurídicos intensificados no contexto da pandemia. Liinc em Revista, v. 16, n. 2, e5374. DOI: https://doi.org/10.18617/liinc.v16i2.5374

ORGANIZAÇÃO MUNDIAL DE SAÚDE - OMS 2020. Entenda a infodemia e a desinformação na luta contra a Covid-19. OMS, 2020. Disponível em: https://bit.ly/3sANrxh. Acesso em: 30 mar. 2021

PARZIANELLO, Geder Luis, 2020. O governo Bolsonaro e o populismo contemporâneo: um antagonismo em tela e as contradições de suas proximidades. Aurora, v. 12, n. 36, p. 49-64.

RECUERO, Raquel. SOARES, Felipe Bonow, 2020. O discurso desinformativo sobre a cura do COVID-19 no Twitter: estudo de caso. E-Compós. Disponível em: https://bit.ly/3mcMwRm. Acesso em: 24 mar. 2020. DOI: https://doi.org/10.1590/SciELOPreprints.84

RECUERO, Raquel, 2016. Discurso mediado por computador nas redes sociais. Em: ARAÚJO, Júlio, LEFFA, Vilson. (org.). Redes Sociais e Ensino de Línguas: O que temos a aprender? São Paulo: Parábola, p. 17-32.

RECUERO, Raquel, 2019. Disputas discursivas, legitimação e desinformação: o caso Veja x Bolsonaro nas eleições de 2018. Comunicação, Mídia e Consumo, v. 16, n. 47, p. 432-458. DOI: https://doi.org/10.18568/cmc.v16i47.2013

RECUERO, Raquel, 2020. #Fraudenasurnas: estratégias discursivas de desinformação no Twitter nas eleições de 2018. Revista Brasileira de Linguística Aplicada, v. 20, n. 3, p. 383-406. DOI: https://doi.org/10.1590/1984-6398202014635

SACRAMENTO, Igor, SANTOS, Allan, ABIB, Roberto, 2020. A saúde na era da testemunha: experiência e evidência na defesa da hidroxicloroquina. Comunicação, cultura e sociedade, v. 7, n. 11, p. 03-23.

SACRAMENTO, Igor, MONARI, Ana Carolina Pontalti, CHEN, Xuewu, 2020. O vírus do morcego: fake news e estereotipagem dos hábitos alimentares chineses no contexto da Covid-19. Comunicação & Inovação, v. 21, n. 47, p. 82-98.

SOARES, Felipe Bonow, RECUERO, Raquel, ZAGO, Gabriela, 2018. Influencers in polarized political networks on Twitter. Em: International Conference on Social Media and Society. Nova York, EUA: ACM, 2018. Disponível em: https://doi.org/10.1145/3217804.3217909. Acesso em: 30 mar. 2021. DOI: https://doi.org/10.1145/3217804.3217909

SOUZA, Marcos Aurélio Dias de, FINGUERUT, Ariel, 2018. Que direita é esta? As referências a Trump na nova direita brasileira pós-Michel Temer. Revista TOMO, n. 33, p. 229-270. DOI: https://doi.org/10.21669/tomo.v0i33.9357

UOL, 2020. Diretora da OMS não recomenda que vacina contra covid-19 seja obrigatória. Uol, 21 out. 2020. Disponível em: https://bit.ly/2Oawb30. Acesso em: 30 mar. 2021.

UOL, 2020. Bolsonaro volta a atacar Doria por vacina: “se intitula médico do Brasil”. Uol, 19 out. 2020. Disponível em: https://bit.ly/3cAcOd9. Acesso em: 30 mar. 2021.

VAN LEEUWEN, Theo, 2007. Legitimation in discourse and communication. Discourse & Communication, v. 1, n. 1, p. 91-112. DOI: https://doi.org/10.1177/1750481307071986

VISCARDI, Janaisa Martins, 2020. Fake news, verdade e mentira sob a ótica de Jair Bolsonaro no Twitter. Trabalhos em Linguística aplicada, v. 59, n. 2, p. 1134-1157. Disponível em: https://bit.ly/3m6I6et. Acesso em: 30 mar. 2021. DOI: https://doi.org/10.1590/01031813715891620200520

WAISBORD, Silvio, 2018. The elective affinity between post-truth communication and populist politics. Communication Research and Practice, v. 4, n. 1, p. 17-34. DOI: https://doi.org/10.1080/22041451.2018.1428928

Downloads

Publicado

02/06/2021

Como citar

Monari, A. C. P., Araújo , K. M. de, Souza, M. R. de, & Sacramento, I. (2021). Disputas narrativas e legitimação: análise dos argumentos de Bolsonaro sobre vacinação contra Covid-19 no Twitter. Liinc Em Revista, 17(1), e5707. https://doi.org/10.18617/liinc.v17i1.5707

Edição

Seção

Infodemia e o Nosso Futuro