No colapso, mas contra a distopia: alianças globais de lutas por justiça ecossocial e econômica no Antropoceno: entrevista com Maristella Svampa

Autores

  • Felipe Milanez Pereira Programa Multidisciplinar de Pós-graduação em Cultura e Sociedade, Instituto de Humanidades, Artes e Ciências Professor Milton Santos, Universidade Federal da Bahia, Salvador, BA, Brasil https://orcid.org/0000-0003-4773-6691
  • Isabella Alves Lamas Universidade da Integração Internacional da Lusofonia Afro-Brasileira, São Francisco do Conde, BA, Brasil https://orcid.org/0000-0003-2145-1604

DOI:

https://doi.org/10.18617/liinc.v18i1.5932

Palavras-chave:

Antropoceno, Colapso ecológico, Ecologia política, Giro ecoterritorial

Resumo

Nesta entrevista, a socióloga Maristella Svampa, uma das grandes expoentes da ecologia política latino-americana, apresenta reflexões entre a constatação de que vivemos um colapso ecológico global, os limites e omissões das ciências sociais no Antropoceno, bem como a necessidade da transdisciplinariedade e da conexão das agendas de luta em diferentes escalas para se construir novos horizontes.

Downloads

Publicado

04/04/2022

Como citar

Pereira, F. M., & Lamas, I. A. (2022). No colapso, mas contra a distopia: alianças globais de lutas por justiça ecossocial e econômica no Antropoceno: entrevista com Maristella Svampa. Liinc Em Revista, 18(1), e5932. https://doi.org/10.18617/liinc.v18i1.5932