O fator de impacto do ISI e a avaliação da produção científica: aspectos conceituais e metodológicos

  • Letícia Strehl Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Física. Biblioteca
Palavras-chave: Avaliação da produção científica, Fator de Impacto, Institute for Scientific Information (ISI), Densidade dos artigos, Ritmo de obsolescência da literatura

Resumo

Aborda os conceitos e os métodos relacionados com o uso do fator de impacto (FI) do Institute for Scientific Information para avaliação da produção científica publicada em periódicos. Resgata a história do FI, desde sua formulação inicial até tornar-se objeto de inúmeras investigações sobre as diferenças nos valores do indicador nas várias áreas do conhecimento. Destaca que as variáveis que apresentam a maior influência sobre o FI são a densidade e o ritmo de obsolescência dos periódicos. Trata das abordagens sincrônicas e diacrônicas de medir a obsolescência da literatura, como o índice de citação imediata, a meia-vida das citações e o estudo da idade de referências citadas. Conclui com reflexões sobre o sistema de avaliação científica brasileiro e o papel do SciELO na formulação de indicadores bibliométricos.

Palavras-chave
Avaliação da produção científica; Fator de impacto; Institute for Scientific Information (ISI); Densidade dos artigos; Ritmo de obsolescência da literatura.

Impact factor od ISI and evaluation of scientific production: conceptual and methodological aspects

Abstract

This paper deals with concepts and methods concerning the use of the Impact Factor (IF), as defined by the Institute for Scientific Information (ISI), on the evaluation of scientific production published in specialized journals. The history of IF is discussed from its first formulation up to the moment when it became the subject of a large amount of investigations regarding the differences among the values for different knowledge areas. It is emphasized that the main variables affecting IF are journal density and their obsolescence rate. The synchronous and diachronous approaches used to measure obsolescence are discussed, such as the immediacy index, half-life of citations and citation age. As a conclusion, the Brazilian system for scientific evaluation is analyzed, as well as the SciELO role on the formulation of bibliometric indicators.

Keywords
Evaluation of scientific production; Impact factor; Institute for Scientific Information (ISI); Literature density; Literature obsolescence rate.

Biografia do Autor

Letícia Strehl, Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Instituto de Física. Biblioteca
Bacharel em Biblioteconomia pela UFRGS Mestre em Comunicação em Informação pela UFRGS Av. Gen. Emílio Lúcio Esteves, 292 Bairro Santa Maria Goretti 91030-290 Porto Alegre - RS 33431834 (residência), 3316 3224 (comercial) e 92386940
Publicado
26/10/2005
Seção
Artigos