Análise das competências infocomunicacionais a partir da metaliteracy: um estudo com arquivistas

Jussara Borges de Lima, Gleise da Silva Brandão

Resumo


Embora os recursos disponíveis na Internet tenham potencializado as possibilidades de acesso à informação e interação, colocam-se demandas mais exigentes ao indivíduo, como avaliar a veracidade e integridade da informação gerada por outros usuários e adequar sua comunicação para interagir em contextos plurais. Assim, ao mesmo tempo em que as competências inerentes à competência em informação se mantêm fundamentais, novas competências ligadas a um contexto mais participativo na produção e compartilhamento do conhecimento têm emergido, identificadas como competências em comunicação. Recentemente emergiu uma abordagem – a metaliteracy - que pode contribuir no aprofundamento da compreensão das competências infocomunicacionais, pois insere aspectos como a metacognição. O principal objetivo deste artigo é examinar a contribuição que a abordagem da metaliteracy pode dar ao desenvolvimento do conceito das competências infocomunicacionais. O método envolve a análise da confluência teórica entre os conceitos citados, além de evidências empíricas coletadas a partir do comportamento infocomunicacional de arquivistas. Cinquenta e três arquivistas brasileiros responderam sobre seu comportamento diante da informação e da comunicação, a partir de questionário eletrônico em outubro de 2016. Os principais resultados, tanto da análise teórica como empírica, demonstram que a metaliteracy aborda aspectos relevantes para o desenvolvimento das competências infocomunicacionais.

Palavras-chave


Competência em informação; Competência em comunicação; Competências infocomunicacionais; Metaliteracy; Arquivista – comportamento infocomunicacional

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Gleise da Silva Brandão

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.


Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (Ibict)
SAUS - Setor de Autarquias Sul, Quadra 5, Lote 6, Bloco H
Seção de Editoração - sala 500
CEP 70070-912
Brasília-DF, Brasil

Licença Creative Commons
Todo o conteúdo publicado nesta revista está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.