A Base de Dados Científicos da Universidade Federal do Paraná: do planejamento à implantação

Autores

  • Karolayne Costa Rodrigues de Lima Universidade Federal do Paraná. Programa de Pós-Graduação em Gestão da Informação. https://orcid.org/0000-0002-6311-8482
  • Janete Bach Estevão Universidade Federal do Paraná (UFPR).
  • Paula Carina de Araújo Universidade Federal do Paraná (UFPR).
  • Lucas Henrique Gonçalves Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Palavras-chave:

Dados científicos de pesquisa, Repositório de dados, Dados abertos

Resumo

A Base de Dados Científicos (BDC) da Universidade Federal do Paraná (UFPR) visa disponibilizar  os dados científicos utilizados das pesquisas que são publicadas pela comunidade da UFPR em teses, dissertações, artigos de revistas e outros materiais bibliográficos. O objetivo desta comunicação é descrever o processo de implantação da BDC no âmbito da UFPR, desde as escolhas estratégicas até o seu efetivo uso. A implantação da BDC passou por algumas etapas como: a seleção do software, a seleção de requisitos, a seleção do padrão de metadados, o estabelecimento da metodologia para formular as diretrizes para o depósito dos dados, a especificação dos critérios para a criação do plano de gestão de dados, o registro no serviço indexador de repositórios de dados, o Re3data.org e a divulgação para a comunidade acadêmica. No decorrer do processo de planejamento e implantação da BDC, destacam-se alguns desafios : os custos com atribuição de DOI para cada dataset, o arranjo de características comuns para base de dados científicos que atendam aos contextos disciplinares distintos em uma única plataforma, a capacitação contínua dos usuários, a estrutura para oferta de serviços e a capacidade de suporte, além do entendimento do processo de produção e da evolução científica no contexto da ciência aberta.

Biografias dos autores

Karolayne Costa Rodrigues de Lima, Universidade Federal do Paraná. Programa de Pós-Graduação em Gestão da Informação.

Bibliotecária e mestrada do Programa de Pós-Graduação em Gestão da Informação na Universidade Federal do Paraná.

Janete Bach Estevão, Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Bibliotecária na Universidade Federal do Paraná. Doutoranda em Tecnologia pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná.

Paula Carina de Araújo, Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Bibliotecária na Universidade Federal do Paraná. Doutora em Ciência da Informação pela Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" (UNESP).

Lucas Henrique Gonçalves, Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Bibliotecário e mestre em Políticas Públicas pela Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Referências

AMORIM, Ricardo Carvalho; CASTRO, João Aguiar; SILVA, João Rocha da; RIBEIRO, Cristina. A Comparison of Research Data Management Platforms: Architecture, Flexible Metadata and Interoperability. Universal Access in the Information Society, v. 16, n. 4, nov. 2017, p. 851–62. https://doi.org/10.1007/s10209-016- 0475-y

BERLIN Declaration on open access to knowledge in the sciences and humanities. Berlin, 2003. Disponível em: http://www.zim.mpg.de/openaccess-berlin/berlin_declaration.pdf. Acesso em: 08 set. 2019.

CARVALHO, Teila Oliveira. A Influência das Revistas Científicas de Acesso Aberto para o Depósito e Publicação dos Dados de Pesquisa. In: 7. Conferência Luso-Brasileira sobre Acesso Aberto. Anais.... 2016. Disponível em: https://goo.gl/kjZhCM. Acesso em: 11 ago. 2019.

CREASER, Claire. Scholarly communication and access to research output. In: EVANS, WENDY, BAKER, DAVIS. Libraries and Society: role, responsibility and future in an age of change. EBSCO Publishing. 2011. p. 53-66.

ARAUJO, Alessandra Belezia; FERREIRA, Elisabete; FÜHR, Fabiane; MOREIRA, Fernando Cavalcanti; ESTEVÃO; Janete Saldanha Bach; LIMA, Karolayne Costa Rodrigues de; ARAÚJO, Paula Carina de; SETENARESKI, Ligia Eliana; GONÇALVES, Lucas Henrique; SCHMITZ, Rafaela Paula. Diretrizes da Base de Dados Científicos da Universidade Federal do Paraná. Curitiba, PR: SiBi/UFPR, 2018. Disponível em: https://www.portal.ufpr.br/documentos/BDC/diretrizes_BDC.pdf. Acesso em: 10 mar. 2019.

NATIONAL SCIENCE BOARD. Long-lived digital data collections: enabling research and education in the 21st century. National Science Foundation, Sept. 2005. Disponíve lem: http://www.nsf.gov/pubs/2005/nsb0540/nsb0540.pdf. Acessoem: 01 set. 2019.

NATIONAL SCIENCE FOUNDATION. Cyberinfrastructure Vision for 21st Century Discovery. 2007. Disponível em: https://goo.gl/AEFEJ4. Acesso em: 10 abr. 2017.

NATIONAL SCIENCE FOUNDATION. Dissemination and sharing of research results. 2010. Disponível em: https://goo.gl/E6nsXV. Acessoem: 10 fev. 2019.

ORGANIZATION FOR ECONOMIC CO-OPERATION AND DEVELOPMENT. OECD principles and guidelines for access to research data from public funding. Paris: Organization for Economic Co-operation and Development, 2007. Disponível em: http://www.oecd.org/sti/sci-tech/38500813.pdf. Acesso em: 31 ago. 2019.

SETENARESKI, Ligia E.; Estevão, Janete Bach; Lima, Karolayne C. R. Ciência aberta: os movimentos que a impulsionam, como se relacionam e como se inserem no mercado das publicações científicas, 19 mar. 2019. 29 slides.

Downloads

Publicado

20/03/2020

Como citar

Lima, K. C. R. de, Estevão, J. B., Araújo, P. C. de, & Gonçalves, L. H. (2020). A Base de Dados Científicos da Universidade Federal do Paraná: do planejamento à implantação. Ciência Da Informação, 48(3). Recuperado de http://revista.ibict.br/ciinf/article/view/4948