Percepção de pesquisadores de instituições públicas acerca da ciência aberta

Kátia de Oliveira Rodrigues, Susane Barros, Flávia Goulart Rosa, Bruna Lessa

Resumo


O Movimento de Acesso Aberto Livre à Comunicação Científica, iniciado em 2002, vem ao longo do tempo ampliando suas dimensões. Consciente da relevância dessa temática para os diferentes campos científicos, esta pesquisa tem como objetivo identificar a percepção dos pesquisadores bolsistas de produtividade em pesquisa do CNPq, nível 1A, de instituições públicas acerca da ciência aberta. A pesquisa caracteriza-se como descritiva, com abordagem quantitativa. Quanto ao instrumento de coleta de dados, recorreu-se ao questionário, disponível no survey monkey. A amostra foi composta por 53 pesquisadores, de diferentes campos científicos, os quais responderam ao questionário. Os resultados comprovam a aceitação das práticas da ciência aberta entre os pesquisadores investigados. Quanto às dimensões da ciência aberta, os pesquisadores informaram que já utilizaram ou continuam utilizando o “Acesso aberto” e as “Redes sociais científicas”. No que diz respeito às razões que levam os investigados a optarem pela ciência aberta, constata-se a preocupação em “Promover o acesso aberto aos dados e publicações científicas” e “Preservar, valorizar e partilhar a produção científica”.


Palavras-chave


Ciência aberta; Pesquisadores 1A do CNPq; Produção científica.

Texto completo:

PDF

Referências


CALDEIRA. A.P.S. Editorial: ciência aberta e universidade pública. Varia história, Belo Horizonte, v. 35, n. 67, p. 9-12, jan./abr. 2019. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0104-87752019000100009&script=sci_arttext&tlng=pt. Acesso em: 31 mar. 2019.

CLINIO, A. Por que open notebook science? Uma aproximação às ideias de Jean-Claude Bradley. In: ALBAGLI, S.; MACIEL, M.L.; ABDO, A.H. (org.). Ciência aberta, questões abertas. Brasília, DF: Ibict; Rio de Janeiro: Unirio, 2015.p. 253-286.

CONSELHO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO. Chamada CNPq nº 06/2019: bolsas de produtividade em pesquisa. 2019. Disponível em: http://memoria.cnpq.br/chamadas-publicas;jsessionid=CFF27C42BB2EF067BA2D5DFA4D2A4236?p_p_id=resultadosportlet_WAR_resultadoscnpqportlet_INSTANCE_0ZaM&p_p_lifecycle=0&p_p_state=normal&p_p_mode=view&p_p_col_id=column-4&p_p_col_pos=1&p_p_col_count=5&filtro=encerradas&detalha=chamadaDivulgada&desc=chamadas&idDivulgacao=8722. Acesso em: 7 set. 2019.

CONSELHO NACIONAL DE DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO. Bolsas individuais no país. Brasília, DF: CNPq, 2015. Disponível em: http://www.cnpq.br/web/guest/view/-/journal_content/56_INSTANCE_0oED/10157/2958271#PQ. Acesso em: 7 jun. 2019.

FIOCRUZ CAMPO VIRTUAL. O que é Ciência Aberta?I: aula 3: dados de pesquisa abertos. Rio de Janeiro: FIOCRUZ, [2019]. (Série 1. Curso 1). Disponível em: https://mooc.campusvirtual.fiocruz.br/rea/ciencia-aberta/serie1/curso1/aula3.html. Acesso em: 7 set. 2019.

THE FOSTER PORTAL. What is open science?: introduction. [2015?]. Disponível em: https://www.fosteropenscience.eu/content/what-open-science-introduction. Acesso em: 14 jan. 2019.

LETA, J. As mulheres na ciência brasileira: crescimento, contrastes e um perfil de sucesso. Estudos Avançados, São Paulo, v. 17, n. 49, p. 271-284, set./dec. 2003. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ea/v17n49/18408.pdf. Acesso em: 15 mar. 2018.

SPINAK, E. Sobre as vinte e duas definições de revisão por pares aberta… e mais. SciELO em Perspectiva, 2018. Disponível em: https://blog.scielo.org/blog/2018/02/28/sobre-as-vinte-e-duas-definicoes-de-revisao-por-pares-aberta-e-mais/. Acesso em: 31 mar. 2019.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Kátia de Oliveira Rodrigues, Susane Barros, Flávia Goulart Rosa, Bruna Lessa

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Compartilhar igual 4.0 Internacional.


Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (Ibict)
SAUS - Setor de Autarquias Sul, Quadra 5, Lote 6, Bloco H
Seção de Editoração - sala 500
CEP 70070-912
Brasília-DF, Brasil

Licença Creative Commons
Todo o conteúdo publicado nesta revista está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.