Altmetria e impacto social da ciência na área de Comunicação e Informação: uma pesquisa multidimensional sobre a circulação da produção científica brasileira em sites de redes sociais

  • Thaiane Oliveira
  • José Henrique Cabral de Paiva Filho
  • Camila Ribeiro Parreira
  • Rayane Pantoja
Palavras-chave: Altmetria, Impacto Social da Ciência, Comunicação e Informação, Sites de Redes Sociais, Metodologia Mista.

Resumo

Busca-se refletir sobre o impacto social da ciência pela altmetria, investigando a presença,
circulação e atenção online das revistas da área de Comunicação e Informação, utilizando os
seguintes procedimentos: 1) coleta de dados sobre as revistas brasileiras em Comunicação e
Informação; 2) mapeamento da presença dessas nos sites de redes sociais: Facebook, Twitter,
YouTube e Instagram; 3) Análise de redes sociais com foco em análise de conteúdo sobre o
engajamento das páginas das revistas identificadas; 4) mapeamento de dados altmétricos das
revistas nas plataformas Dimensions e Altmetric. A proposta desta pesquisa mista
multidimensional é entender como a produção científica da área tem circulado em redes
sociais. Os resultados apontam que a área de Comunicação e Informação tem baixa presença,
tanto nas plataformas Dimensions e Altmetric, quanto nos próprios sites de redes sociais. A
circulação da produção científica refere-se mais a divulgação de pesquisadores individuais do
que perfis institucionais dos periódicos, com baixo engajamento do público não-acadêmico.
No entanto, tem havido um aumento progressivo desta presença e atenção online, apontando para um crescimento do uso de sites de redes sociais para a divulgação da produção científica como estratégia de comunicação institucional dos periódicos.

Referências

ARAUJO, Ronaldo Ferreira; MURAKAMI, Tiago Rodrigo Marçal; DO PRADO, Jorge Moisés Kroll. A repercussão de artigos de periódicos brasileiros da ciência da informação no Facebook: um estudo altmétrico. RDBCI: Revista Digital de Biblioteconomia e Ciência da Informação, v. 16, n. 2, p. 365-379, 2018.

ARAÚJO, Ronaldo Ferreira. Marketing científico digital e métricas alternativas para periódicos: da visibilidade ao engajamento. Perspectivas em Ciência da Informação, v. 20, n. 3, p. 67-84, 2015.

BARDIN, Laurence. Content analysis. São Paulo: Livraria Martins Fontes, 1977.

BORNMANN, Lutz. What is societal impact of research and how can it be assessed? A literature survey. Journal of the American Society for Information Science and Technology, v. 64, n. 2, p. 217-233, 2013.

DE SOUSA, Lumárya Souza; OLIVEIRA, Thaiane. O fazer científico da pesquisa-ação: mapeando o conceito de engajamento em uma perspectiva multidimensional. Revista Latinoamericana de Metodología de la Investigación Social, n. 17, p. 69-85, 2019.

GROHMANN, Rafael. A Noção de Engajamento: sentidos e armadilhas para a pesquisa em comunicação. Revista FAMECOS, v. 25, n. 3, p. 29387, 2018.

LARIVIÈRE, Vincent; HAUSTEIN, Stefanie; MONGEON, Philippe. The oligopoly of academic publishers in the digital era. PloS one, v. 10, n. 6, p. e0127502, 2015.

MANCEBO, Deise. Reforma universitária: reflexões sobre a privatização e a mercantilização do conhecimento. Educação e Sociedade, v. 25, n. 88, p. 845-866, 2004.

MARCINKOWSKI, Frank; KOHRING, Matthias. The changing rationale of science communication: a challenge to scientific autonomy. Journal of science communication, v. 13, n. 3, p. C04, 2014.

MCLAFFERTY JR, Charles L.; SLATE, John R.; ONWUEGBUZIE, Anthony J. Transcending the Quantitative‐Qualitative Divide With Mixed Methods Research: A Multidimensional Framework for

Understanding Congruence and Completeness in the Study of Values. Counseling and Values, v. 55, n. 1, p. 46-62, 2010.

MAINARDES, Jefferson. Abordagem do ciclo de políticas: uma contribuição para a análise de políticas educacionais. Educação & Sociedade, v. 27, n. 94, p. 47-69, 2006.

NASCIMENTO, Andrea G.; ODDONE, Nanci. Uso de altmetrics para avaliação de periódicos científicos brasileiros em ciência da informação. Ciência da Informação em Revista, v. 2, n. 1, p. 3-12, 2015.

OLIVEIRA, Thaiane. Midiatização da ciência: reconfiguração do paradigma da comunicação científica e do trabalho acadêmico na era digital. MATRIZes, v. 12, n. 3, 2018.

OLIVEIRA, Thaiane et al. Altmetria e a análise das condições de interação em torno de artigos sobre políticas públicas: uma incursão metodológica. Cadernos de Biblioteconomia, Arquivística e Documentação, n. 1, 2018.

OLIVEIRA, Thaiane et al. Comunicação Institucional e divulgação científica no YouTube: Tipologias sobre tendências de linguagens, narrativas e interacionais. In: II Televisões. Anais...Niterói, 2019.

OLIVEIRA, Thaiane; WANICK, Vanissa. Desdobrando o conceito de engajamento: revisão bibliográfica sobre seus aspectos comportamentais, emocionais e cognitivos. Lumina, v. 12, n. 2, p.

-171, 2018.

ORTEGA, José Luis. Relationship between altmetric and bibliometric indicators across academic social sites: The case of CSIC's members. Journal of informetrics, v. 9, n. 1, p. 39-49, 2015.

PRIEM, Jason et al. Altmetrics: A manifesto. 2010.

ROBINSON-GARCIA, Nicolas; VAN LEEUWEN, Thed N.; RAFOLS, Ismael. Using altmetrics for contextualised mapping of societal impact: From hits to networks. Science and Public Policy, v. 45, n. 6, p. 815-826, 2018.

RUSSELL, Bertrand. The impact of science on society. Routledge, 2016.

SIGNATES, Luiz. Epistemologia e comunicabilidade: as crises das ciências, ante a perspectiva da centralidade do conceito de comunicação. Comunicação & Informação, v. 15, n. 2, p. 133-148, jul./dez. 2012.

WEINGART, Peter; GUENTHER, Lars. Science communication and the issue of trust. Journal of Science communication, v. 15, n. 5, p. C01, 2016.

Publicado
20/03/2020