Redes informais nas organizações: a co-gestão do conhecimento

  • Tonia Marta Barbosa Macedo
Palavras-chave: Redes informais, Gestão do conhecimento, Comunicação eletrônica

Resumo

As redes informais nas organizações constituem estruturas auto-organizantes que, respondendo em grande parte pela capacidade de as organizações lidarem com os problemas imprevistos, configuram-se como instrumentos importantes ao enfrentamento dos desafios associados à sociedade da informação. Este trabalho aborda as redes informais sob a perspectiva do processamento humano da informação e do conhecimento que efetuam e dos suportes eletrônicos de comunicação que ampliam sua utilização dentro das organizações.

Biografia do Autor

Tonia Marta Barbosa Macedo
Engenheira Química, com especialização em Inteligência Competitiva, pelo INT/UFRJ/IBICT, Petrobrás.
Publicado
16/08/2013
Como Citar
MacedoT. M. B. (2013). Redes informais nas organizações: a co-gestão do conhecimento. Ciência Da Informação, 28(1). Recuperado de http://revista.ibict.br/ciinf/article/view/866
Seção
Comunicações