Indicadores cienciometricos

Ernesto Spinak

Resumo


Os indicadores científicos surgem da medição dos insumos e dos resultados da instituição científica. A cienciometria elabora metodologias para formular esses indicadores com técnicas interdisciplinares da economia, estatística, administração e documentação. As metodologias aceitas internacionalmente (Manual de Frascati, Manual de Oslo e Manual de Canberra) são as referências clássicas para medir os insumos e os resultados econômicos, bem como os resultados tecnológicos da pesquisa e desenvolvimento (P&D). Não existe consenso internacional sobre como medir e avaliar a produção intelectual e acadêmica tal como se manifesta no sistema editorial, nem na interpretação de seus impactos e influências. Definindo os termos bibliometria, cienciometria e informetria, seus alcances e aplicações, este trabalho apresenta visões alternativas para interpretar os indicadores cienciométricos existentes que, em sua maior parte, derivam das compilações do Citation Index do Institute for Scientific Information e de bases de dados similares. Em particular, apresenta-se uma hipótese para explicar o viés que o Citation Index manifesta em favor das publicações que fazem parte da corrente principal (mainstream) dos países desenvolvidos, em detrimento das publicações de qualidade similar provenientes de países do Terceiro Mundo.

Palavras-chave


Bibliometria; Cienciometria; Econometria

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.18225/ci.inf..v27i2.795

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 1969 Ernesto Spinak

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.


Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (Ibict)
SAUS - Setor de Autarquias Sul, Quadra 5, Lote 6, Bloco H
Setor de editoração - sala 500
CEP 70070-912
Brasília-DF, Brasil