“Uma legião de imbecis”: hiperinformação, alienação e o fetichismo da tecnologia libertária | “A legion of imbeciles”: hyperinformation, alienation, and the fetishism of libertarian technology

Sylvia Debossan Moretzsohn

Resumo


RESUMO Este artigo procura avançar na tentativa de demonstrar como a afirmação de que a inter-net inauguraria uma nova era para a humanidade é a mais recente expressão do feti-chismo da tecnologia. Aponta a mistificação da propalada “horizontalidade”, que enco-bre as relações de poder e escancara as portas para a disseminação das “fake news”, ins-taurando um ambiente de absoluta insegurança informativa. Sustenta que hiperinforma-ção, que leva ao aprofundamento da alienação pelo excesso de oferta, é essencial para a manutenção do sistema. Conclui que a tendência de formação de “bolhas” favorece a constituição de comunidades seguras de si e infensas ao contraditório, o que é o avesso de qualquer perspectiva democrática.

Palavras-chave: Hiperinformação; Alienação; Fetichismo; Tecnologia; Redes Sociais.

ABSTRACT This article seeks to demonstrate how the statement that the internet would inaugurate a new era for humanity is the latest expression of technological fetishism. It points to the mystification of the so-called “horizontality” which hides power relations and opens the door to the dissemination of “fake news”, creating an environment of absolute informational insecurity. It argues that hyperinformation, which leads to the deepening of alienation by oversupply, is essential for the maintenance of the system. It concludes that the tendency to form “bubbles” favours the constitution of communities that are self-assured and closed to conterarguments, which is the opposite of any democratic perspective.

Keywords: Hyperinformation; Alienation; Fetishism; Technology; Social Network.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.18617/liinc.v13i2.4088

Apontamentos

  • Não há apontamentos.