Production and impact of Brazilian papers in Library and Information Science journals (1986-2015)

Autores

  • Maria Cláudia Cabrini Grácio Departamento de CIiência da Informação/UNESP - Campus de Marília
  • Ely Francina Tannuri de Oliveira UNESP - Universidade Estadual Paulista/ Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação
  • Dietmar Wolfram School of Information Studies, University of Wisconsin-Milwaukee (UWM)

DOI:

https://doi.org/10.18225/ci.inf.v48i3.4411

Palavras-chave:

Brazilian paper production in Library and Information Science, Library and Information Science research journals, Collaborating countries of the Brazilian scientific production in Librarianship and Information Science

Resumo

This paper aims to carry out a diachronic analysis of Brazilian scientific productivity in the Library and Information Science field as indexed by the Scopus database for the period 1986-2015. We also analyze the main journals that publish Brazilian contributions, compare the impact of Brazilian production between papers published in Latin language journals and those in English, and identify the primary language of Brazilian papers and the main collaborating countries. We carried out a search on Brazilian scientific productivity in the analyzed field in the Scopus database for the studied period. Then, through a manual filter, we identified a corpus of 1,195 papers. Of the 90 journals identified, 26 journals were considered the main venues for Brazilian Library and Information Science research. These were grouped using multivariate cluster analysis. The main collaborating countries were grouped based on normalized values of co-authorship using Salton's cosine measure. Since 2006, Brazilian scientific production has experienced a similar growth tendency as the rest of the world. We observed that Brazilian journals, publishing in Portuguese, formed a cluster, while English and Spanish language journals clustered separately. We observed that papers published in English received on average more citations than those papers published in other languages.

Downloads

Os dados de download ainda não estão disponíveis.

Biografia do Autor

  • Maria Cláudia Cabrini Grácio, Departamento de CIiência da Informação/UNESP - Campus de Marília
    Livre-docente pela Universidade Estadual Paulista (Unesp) - SP - Brasil. Doutora em Filosofia pela Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) - Campinas, SP - Brasil. Professora da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp) - SP - Brasil.
  • Ely Francina Tannuri de Oliveira, UNESP - Universidade Estadual Paulista/ Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação
    Livre-docente pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp) - SP - Brasil. Doutora em Educação pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp) - Brasil.Professora da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (Unesp) - Brasil.
  • Dietmar Wolfram, School of Information Studies, University of Wisconsin-Milwaukee (UWM)
    Ph.D. Library and Information Science pela University of Western Ontario (UWO) - Canadá. Professor da School of Information Studies - University of Wisconsin-Milwaukee (UWM) – EUA.

Referências

ARBOIT, A. E.; BUFREM, L. S.; MOREIRO GONZALEZ, J. A.. A produção brasileira em Ciência da Informação no exterior como reflexo de institucionalização científica. Perspectivas em Ciência da Informação, v. 16, p. 75-92, 2011. DOI: https://doi.org/10.1590/S1413-99362011000300005

SILVEIRA, M. A. A. J.; BAZI, R. R. E. R. Rede de textos científicos na ciência da informação: análise cienciométrica da institucionalização de um campo científico. Pesquisa Brasileira em Ciência da Informação e Biblioteconomia, v. 3, n. 2, 2008.

CALLON, M.; COURTIAL, J.P.; PENAN, H. Cienciometría: la medición de la atividad científica: de la bibliometría a la vigilancia tecnológica. Astúrias: Ediciones Trea, 1995.

ELIEL, R.A. Institutionalization of Information Science in Brazil: study of the convergence between the scientific production and regulatory landmarks of the area. Transinformação, v.20, n.3, p. 207-224, 2008. DOI: https://doi.org/10.1590/S0103-37862008000300001

GRÁCIO, M.C.C et al. Dentistry scientometric analysis: a comparative study between Brazil and other most productive countries in the area. Scientometrics, v. 92, p.1-17, 2013.

HERRERO-SOLANA, V.; ÍOS-GÓMEZ, C. Producción latinoamericana en biblioteconomía y documentación en el Social Science Citation Index (SSCI) 966-2003. Information Research: an international electronic journal, v. 11, n. 2, 2006.

HOLLANDA, S. et al. Composição e Execução dos Dispêndios em Pesquisa e Desenvolvimento. In: FAPESP (Ed.). Indicadores de ciência, tecnologia e inovação em São Paulo 2004. [coordenação geral Francisco Romeu Landi] São Paulo: FAPESP, 2005.

KOBASHI, N. Y.; SANTOS, R.N.M. Institucionalização da pesquisa científica no Brasil: cartografia temática e de redes por meio de técnicas bibliométricas. Transinformação, v.18, n.1, p.27-36, 2006. DOI: https://doi.org/10.1590/S0103-37862006000100003

NUNES, M.S.C.; CARVALHO, K.; COUZINET, V. 2015. Convergence in Information Science in Brazil and France. IN: XVI Encontro Nacional de Pesquisa em Ciência da Informação (XVI ENANCIB), 2015.

ODONNE, N. Ciência da Informação em perspectiva histórica: Lydia de Queiroz Sambaquy e o aporte da documentação. (Brasil, 1930-1970). 2004. 157f. Tese (Doutorado em Ciência da Informação) – Escola de Comunicação, Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro.

OLIVEIRA, E. F. T. O ensino das disciplinas instrumentais para análises quantitativas no currículo do curso de graduação em Biblioteconomia. 2006. Dissertação (Mestrado em Educação) – UNESP, Marília.

SOUZA, T.B; RIBEIRO, F. Courses on Information Science in Brazil and in Portugal: diachronic perspectives. Informação & Informação, v. 14, n. 1, p. 82 - 102, 2009. DOI: https://doi.org/10.5433/1981-8920.2009v14n1p83

WHITE, H.D.; MCCAIN, K.W. Visualizing a discipline: an author co-citation analysis of Information Science, 1972-1995. Journal of the American Society for Information Science, v. 49, n. 4, p. 327-355, 1998. DOI: https://doi.org/10.1002/(SICI)1097-4571(19980401)49:4<327::AID-ASI4>3.0.CO;2-W

Downloads

Publicado

18/10/2019

Edição

Seção

Artigos

Como Citar

Production and impact of Brazilian papers in Library and Information Science journals (1986-2015). Ciência da Informação, [S. l.], v. 48, n. 3, 2019. DOI: 10.18225/ci.inf.v48i3.4411. Disponível em: https://revista.ibict.br/ciinf/article/view/4411.. Acesso em: 24 maio. 2024.