O negacionismo climático e suas deletérias consequências: O filme-documentário europeu “A Campanha contra o Clima” como estudo de caso

Autores

DOI:

https://doi.org/10.18617/liinc.v18i1.5938

Palavras-chave:

Negacionismo climático, Cinema socioambiental, Mitigação das mudanças climáticas, Poder econômico, Indústria petrolífera mundial

Resumo

O negacionismo climático vem sendo compreendido, particularmente pela grande maioria da comunidade científica e por atores políticos mais diretamente envolvidos com a proteção ambiental como uma mera manifestação de ignorância de parcelas da população que não tiveram acesso ao conhecimento. Porém, com atuação difusa e quase sempre oculta (ou seja, de difícil visualização por parte da “pessoa comum”), os lobistas e os formadores de opinião pública que veiculavam o discurso negacionista a respeito das mudanças climáticas conseguiram, usufruir de uma ampla liberdade para agir disseminando seu discurso para a população em geral. Muitas vezes este tipo de atuação propagandista conta com um espaço na mídia semelhante (ou até mesmo maior) do que aquele conferido, por exemplo, aos cientistas. Neste contexto, dialogando criticamente com o negacionismo climático, o filme- documentário “A campanha contra o clima”, lançado em 2020, desoculta os meios de financiamento associáveis à atuação dos negacionistas climáticos. Particularmente a atuação do lobby exercido por representantes da indústria dos combustíveis fósseis é analisada em detalhes nesta obra cinematográfica. Por meio de análises comparativas e revisão bibliográfica sistêmica, com digressões focadas no documentário em questão, objetivamos estabelecer e analisar as inter-relações entre as estratégias, em geral ocultas, da “indústria do negacionismo” e as dificuldades para a mitigação das mudanças climáticas. Como resultado, buscaremos demonstrar quão complexo e difícil tem sido, mesmo no contexto de negociações multilaterais capitaneadas pelas Nações Unidas, superar os entraves estabelecidos pela atuação lobista, em especial, da indústria mundial do petróleo, e, enfim, mitigar as mudanças climáticas

Biografia do autor

Thiago Pires-Oliveira, Universidade de São Paulo, São Paulo, SP, Brasil

Doutorando em Ciências (Mudança Social e Participação Política – ProMuSPP) pela Escola de Artes, Ciências e Humanidades da Universidade de São Paulo (USP). Bacharel e Mestre em Direito pela Universidade Federal da Bahia (UFBA). Foi conselheiro titular do Conselho Nacional do Meio Ambiente (CONAMA) e Professor Substituto da Faculdade de Direito da UFBA e do Departamento de Ciências Contábeis e Atuariais da Universidade de Brasília (UnB).

André Felipe Simões, Universidade de São Paulo, São Paulo, SP, Brasil

Professor Doutor Associado da Universidade de São Paulo – USP, Brasil. Doutor e Pós-Doutor em Planejamento Energético. Contumaz integrante da delegação oficial do Brasil nas Conferências das Partes da Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas. Professor credenciado em três cursos de pós-graduação da USP: Energia, Sustentabilidade, e Mudança Social e Participação Política da Escola de Artes, Ciências e Humanidades – ProMuSSP/EACH/USP – e Professor do Curso de Bacharelado em Gestão Ambiental da EACH/USP.

Marcos Bernardino de Carvalho, Universidade de São Paulo, São Paulo, SP, Brasil

Professor Associado da Universidade de São Paulo – USP, Brasil., vinculado ao curso de Gestão Ambiental e aos Programas de Pós Graduação em Geografia Humana (FFLCH-USP) e Mudança Social e Participação Política da Escola de Artes, Ciências e Humanidades – ProMuSPP/EACH/USP.

Referências

CAMPANHA contra o clima, A, 2020. Direção: Mads Ellesøe. Produção: Danmarks Radio (DR), Yleisradio (YLE), Norsk Rikskringkasting (NRK). 52 min, color. Título original: The Campaign against The Climate.

COSTA, Juliana e MAIA, Kênia, 2021. Legitimidade de fontes e opinião sobre coronavírus em O Grande Debate. RECIIS – Revista Eletrônica de Comunicação, Informação & Inovação em Saúde [em linha], Rio de Janeiro, RJ, v. 15, n. 2, p. 505-524, abr./jun. [Acesso em 08 fevereiro 2022]. DOI https://doi.org/10.29397/reciis.v15i2.2192. Disponível em: https://www.reciis.icict.fiocruz.br/index.php/reciis/article/view/2192/2449

FARIA, Fernanda Cupolillo Miana de, 2007. Os meus, os teus, os nossos saberes: os especialistas como co-autores das notícias e os micro-especialistas do nosso tempo. In: INTERCOM - SOCIEDADE BRASILEIRA DE ESTUDOS INTERDISCIPLINARES DA COMUNICAÇÃO. Anais do V Congresso Nacional de História da Mídia [em linha], São Paulo, SP, 31 maio a 02 de junho de 2007. [Acesso em 08 fevereiro 2022]. Disponível em: http://www.intercom.org.br/papers/outros/hmidia2007/resumos/R0095-1.pdf

GLOBAL WITNESS, 2021. Flooding the zone: Hundreds of fossil fuel lobbyists granted access to COP26. In: Global Witness: articles [em linha], 8 nov. 2021. [Acesso em 16 novembro 2021]. Disponível em: https://www.globalwitness.org/en/campaigns/fossil-gas/flooding-zone-hundreds-fossil-fuel-lobbyists-granted-access-cop26/

IEA - International Energy Agency, 2020. Global Energy Review 2020 [em linha]. [Acesso em 20 novembro 2021]. Disponível em: https://www.iea.org/reports/global-energy-review-2020

IPCC - INTERGOVERNMENTAL PANEL ON CLIMATE CHANGE, 2014. Climate Change 2014: Synthesis Report [em linha]. [Acesso em 20 novembro 2021]. Disponível em: https://archive.ipcc.ch/report/ar5/syr/

IPCC, 2019. Aquecimento Global de 1,5º C: Sumário para formuladores de políticas. Trad.: Mariana Arantes Rocha de Oliveira. Brasília, DF: PNUD.

IPCC, 2021. Climate Change 2021: The Physical Science Basis. Contribution of Working Group I to the Sixth Assessment Report of the Intergovernmental Panel on Climate Change [Masson-Delmotte, V., P. Zhai, A. Pirani, S. L. Connors, C. Péan, S. Berger, N. Caud, Y. Chen, L. Goldfarb, M. I. Gomis, M. Huang, K. Leitzell, E. Lonnoy, J.B.R. Matthews, T. K. Maycock, T. Waterfield, O. Yelekçi, R. Yu and B. Zhou (eds.)]. Cambridge, Reino Unido: Cambridge University Press.

IPCC, 2022. Summary for Policymakers [H.-O. Pörtner, D.C. Roberts, E.S. Poloczanska, K. Mintenbeck, M. Tignor, A. Alegría, M. Craig, S. Langsdorf, S. Löschke, V. Möller, A. Okem (eds.)]. In: Climate Change 2022: Impacts, Adaptation, and Vulnerability. Contribution of Working Group II to the Sixth Assessment Report of the Intergovernmental Panel on Climate Change [H.-O. Pörtner, D.C. Roberts, M. Tignor, E.S. Poloczanska, K. Mintenbeck, A. Alegría, M. Craig, S. Langsdorf, S. Löschke, V. Möller, A. Okem, B. Rama (eds.)]. Cambridge, Reino Unido: Cambridge University Press.

IRENA - International Renewable Energy Agency, 2020. Global Renewables Outlook [em linha], [Acesso em 30 dezembro 2021]. Disponível em: https://www.irena.org/publications/2020/Apr/Global-Renewables-Outlook-2020

MARQUES, Luiz, 2018. Capitalismo e colapso ambiental. Campinas, SP: Editora UNICAMP.

NATURE, 2011. Business as usual? Nature Climate Change [em linha], v. 1, p. 425. [Acesso em 08 fevereiro 2022]. DOI https://doi.org/10.1038/nclimate1321. Disponível em: https://www.nature.com/articles/nclimate1326

NICHOLS, Bill, 2010. Introdução ao documentário. 5. ed. Trad.: Mônica Saddy Martins. Campinas, SP: Papirus.

NOBRE, Carlos A., SELLERS, Piers J. e SHUKLA, Jagadish, 1991. Amazonian deforestation and regional climate change. Journal of Climate [em linha], v. 4, n. 10, p. 957-988. [Acesso em 26 novembro 2021]. DOI https://doi.org/10.1175/1520-0442(1991)004<0957:ADARCC>2.0.CO;2. Disponível em: https://journals.ametsoc.org/configurable/content/journals$002fclim$002f4$002f10$002f1520-0442_1991_004_0957_adarcc_2_0_co_2.xml?t%3Aac=journals%24002fclim%24002f4%24002f10%24002f1520-0442_1991_004_0957_adarcc_2_0_co_2.xml&tab_body=pdf

ORESKES, Naomi e CONWAY, Erik M., 2010, Merchants of doubt: how a handful of scientists obscured the truth on issues from tobacco smoke to global warming. New York, Estados Unidos: Bloomsbury Press.

PAGOTTO, Erico Luis e CARVALHO, Marcos Bernardino de, 2020. Natureza à venda: da ecopornografia a um modelo compreensivo de indicadores de greenwashing. Scripta Nova: Revista Electrónica de Geografía y Ciencias Sociales [em linha], Barcelona, Espanha, v. 24. [Acesso em 14 janeiro 2022]. DOI https://doi.org/10.1344/sn2020.24.22685. Disponível em: https://revistes.ub.edu/index.php/ScriptaNova/article/view/22685

ROHLI, Robert V. e VEGA, Anthony J., 2018. Climatology. 4. ed. Burlington, Estados Unidos: Jones & Bartlett Learning.

TENG, Fei e XU, Shuang-Qing, 2012. Definition of Business as Usual and its impacts on assessment of mitigation efforts. Advances in Climate Change Research [em linha], v. 3, n. 4, p. 212-219. [Acesso em 16 dezembro 2021]. DOI https://doi.org/10.3724/SP.J.1248.2012.00212. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S1674927812500456

UNFCCC – United Nations Framework Convention on Climate Change, 2021. The Glasgow Climate Pact: Advance unedited version [em linha]. [Acesso em 25 novembro 2021]. Disponível em: https://unfccc.int/sites/default/files/resource/cma3_auv_2_cover%20decision.pdf

WASHINGTON, Haydn e COOK, John, 2011. Climate Change Denial: Heads in the Sand. New York, Estados Unidos: Earthscan.

Downloads

Publicado

19/05/2022

Como citar

Pires-Oliveira, T., Simões, A. F., & Carvalho, M. B. de. (2022). O negacionismo climático e suas deletérias consequências: O filme-documentário europeu “A Campanha contra o Clima” como estudo de caso. Liinc Em Revista, 18(1), e5938. https://doi.org/10.18617/liinc.v18i1.5938

Edição

Seção

Desafios das Ciências sociais no Antropoceno