Atividades de mediação para leitura e escrita: uma análise dos níveis de mediação em experiências realizadas por bibliotecas de universidades públicas

Henriette Ferreira Gomes, Raquel do Rosário Santos

Resumo


Trata-se de um estudo descritivo acerca do nível de mediação realizada pelas bibliotecas das universidades públicas por meio de atividades desenvolvidas focalizando as práticas de leitura e de produção escrita. A pesquisa se caracteriza, na primeira etapa, como um levantamento (survey) exaustivo acerca das atividades e experiências realizadas por esse tipo de biblioteca e, na sua segunda etapa, como um estudo dos casos das bibliotecas que informaram estar desenvolvendo atividades que guardam relações mais diretas com a leitura e a escrita. Nessa etapa foram identificadas as possibilidades de redimensionamento dessas atividades, de modo que se possa, a partir da análise dos resultados, sugerir novas configurações que tornem as bibliotecas universitárias mediadoras pró-ativas das práticas de leitura e de produção escrita, especialmente entre os estudantes em nível de graduação, trabalhando pelo desenvolvimento da competência em informação e apoiando mais diretamente a formação de sujeitos autônomos no ato de estudar e produzir conhecimento.

Palavras-chave


Mediação de leitura. Leitura. Escrita. Bibliotecas universitárias

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2015 Henriette Ferreira Gomes, Raquel do Rosário Santos

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Compartilhar igual 4.0 Internacional.


Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (Ibict)
SAUS - Setor de Autarquias Sul, Quadra 5, Lote 6, Bloco H
Seção de Editoração - sala 500
CEP 70070-912
Brasília-DF, Brasil

Licença Creative Commons
Todo o conteúdo publicado nesta revista está licenciado com uma Licença Creative Commons - Atribuição-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.