Devir-rizoma: tumulto na organização e representação do conhecimento | Becoming-rhizome: rampage in the knowledge organization and representation

Rodrigo de Sales

Resumo


RESUMO Considerando que os aportes que subsidiam teoricamente os sistemas de organização do conhecimento normalmente se amparam em perspectivas que consolidam visões estruturalistas, a fim de controlar e formalizar representações do conhecimento, ensaiamos neste artigo um possível limiar para organização e representação do conhecimento, baseado nos conceitos de devir e de rizoma definidos pelos filósofos Gilles Deleuze e Félix Guattari. Tendo como horizonte a ideia de contemporaneidade de Giorgio Agamben, buscamos valorizar a potência dos devires e a intempestividade dos rizomas em prol de uma organização do conhecimento menos previsível e menos determinista. Alicerçado por um exercício de reflexão teórica, concluímos em defesa da realização de rizomas em oposição aos instrumentos já conhecidos e/ou praticados pela organização do conhecimento.

Palavras-chave: Organização do Conhecimento; Representação do Conhecimento; Rizoma; Devir; Sistemas de Organização do Conhecimento.

ABSTRACT Considering that the theoretical contributions that support knowledge organization systems usually rely on perspectives that consolidate structuralist approaches, to control and formalize knowledge representations, we elaborate in this article a possible opening for a knowledge organization and representation based on the concepts of becoming and rhizome developed by Gilles Deleuze and Félix Guattari. Based on the idea of contemporaneity by Giorgio Agamben, we seek to value the power of the becoming and the intempestivity of rhizomes in favor of a less predictable and deterministic knowledge organization. Supported by an exercise of theoretical reflection, we conclude in favor of rhizomes as opposed to systems already known and/or practiced in knowledge organization field.

Keywords: Knowledge Organization; Knowledge Representation; Rhizome; Becoming; Knowledge Organization System.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.18617/liinc.v14i2.4316

Apontamentos

  • Não há apontamentos.