Representação do conceito de mulher na Classificação Decimal Dewey (CDD) a na Classificação Decimal Universal (CDU): duas perspetivas sobre o mesmo conceito? | The representation of woman's concept in the Decimal Dewey Classification (DDC) and in the Universal Decimal Classification (UDC): two perspectives for the same concept?

Maria da Graça Simões, Blanca Rodríguez Bravo, Olívia Pestana

Resumo


RESUMO A dinâmica e a emergência de novos conhecimentos exige que se construam novos sistemas de organização de conhecimento e se revejam outros, para a sua localização e acesso. Nesse processo, as estruturas de organização do conhecimento assumem particular relevância como instrumentos eficazes de efetuar esses propósitos. Pela sua longevidade, destacam-se as classificações bibliográficas, entre as quais a Classificação Decimal de Dewey (CDD) e a Classificação Decimal Universal (CDU). Propõe-se como objetivo identificar como esses dois sistemas representam o conceito mulher e se tal pode ser considerado indicador de duas perspetivas sobre o mesmo conceito. Adotou-se uma abordagem qualitativa exploratória, baseada na revisão da literatura e análise comparativa da representação desse conceito nos dois sistemas considerados. Não se observam duas perspetivas diferentes em relação ao conceito mulher, os dois sistemas continuam a traduzir a mentalidade positivista na qual foram concebidas. É evidente a reduzida representatividade do conceito mulher nos dois sistemas de classificação no que se refere à exaustividade e à especificidade. Os dois sistemas refletem a noção de mulher num plano depreciativo e inferior à masculina, traduzindo o estereótipo tradicional.

Palavras-chave: Mulher; Classificação Decimal Dewey (CDD); Classificação Decimal Universal (CDU).

ABSTRACT The dynamics and emergence of new knowledge requires building new knowledge organization systems and reviewing others for the location and access of knowledege. In this process the structures of knowledge organization assume particular relevance, as effective instruments to accomplish these purposes. For its longevity, the bibliographical classifications stand out and among them particularly the Dewey Decimal Classification (CDD) and the Universal Decimal Classification (CDU). It is proposed to identify how these two systems represent the concept of woman and whether this can be considered as an indicator of two perspectives on the same concept. A qualitative exploratory approach was adopted, based on literature review and comparative analysis of the representation of this concept in the two systems considered. Two different perspectives are not observed in relation to the woman’s concept, because the two systems continue to translate the positivist mentality in which they were conceived. The low representativeness of the concept of woman in the two classification systems is evident with regard to exhaustivity and specificity. Both systems reflect the notion of woman in a depreciative and inferior plan to the masculine, translating the traditional stereotype.

Keywords: Woman; Dewey Decimal Classification; Universal Decimal Classification.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.18617/liinc.v14i2.4340

Apontamentos

  • Não há apontamentos.